Blog do Círculo - Arouca - Itens filtrados por data: setembro 2017
segunda, 28 agosto 2017 08:24

MEMÓRIA E HOMENAGEM

Conheci-o durante cerca de 25 anos. Convivemos, sobretudo, nos fins-de-semana. Mantivemos longas, infindáveis, conversas sobre as questões do nosso tempo. A sua sede de informação era notória. Tinha convicções e mantinha-as, enriquecendo-as e robustecendo-as, no diálogo.

Acompanhava a evolução dos tempos com um misto de interesse e de preocupação.

Era o senhor Pedro da Venda, um vizinho em Gestoso, Manhouce.

Publicado em Blog
sábado, 26 agosto 2017 00:03

O Fogo e a Serra

É minha intenção que a colaboração que mantenho neste blogue reflita o resultado de ir circulando por textos literários ou outros que de alguma maneira se relacionem com temas tratados na nossa actividade ou me pareçam relevantes e enquadrados nos objectivos do Circulo.

Hoje, um texto de António Alçada Baptista sobre o fogo e a serra que, apesar dos seus quarenta e um anos, continua actual quer no que revela sobre incapacidade de encontrar soluções para o problema e de as por em prática, quer nas consequências que a devastação provocada pelo fogo tem na vida das pessoas.

Publicado em Blog
terça, 18 julho 2017 08:18

Religião, religiões

A última Conferência de Arouca pretendeu debater o tema “As Religiões: a Guerra e a Paz”. Para conduzir a reflexão convidou Frei Bento Domingues e o jornalista António Marujo. Na sequência da última conferência permito-me juntar algumas achegas que me parecem pertinentes.

Publicado em Blog

 

Na sequência dos incêndios de Pedrógão e dos assaltos aos paióis de Tancos, tem-se refletido menos sobre o que fazer para que estas tragédias não continuem a repetir-se no futuro e, nomeadamente por parte dos políticos de quem se exige a maior ponderação, mais da necessidade de se apurarem os responsáveis e daí retirar as respetivas consequências, isto é a sua demissão. Na maioria das vezes estes personagens dão a entender que já conhecem e que toda a gente conhece quem são os responsáveis. Logo, não é preciso fazer mais nada que não seja exigir a sua demissão.

Publicado em Blog
quarta, 28 junho 2017 08:55

REBOBINAGEM DE UM FILME

Os órgãos de informação trouxeram até nós – alguns numa chocante orgia mediática - os trágicos acontecimentos dos últimos dias que, para além de uma comoção mal contida e um sentimento de profunda solidariedade, calaram de um modo especial nos arouquenses. Terão até provocado a “rebobinagem do filme” de acontecimentos, uns recentes, outros nem tanto.

Publicado em Blog

Todos os ventos cruzados provocam inação e estupefação. Uns são voluntários, outros involuntários. Pode demorar-se mais ou menos tempo a reagir a eles e às suas consequências; a rapidez da reação depende da previsibilidade que o fenómeno possuir e da capacidade de que se dispõe para, quando acontecem, lhe fazer face.

Publicado em Blog
quarta, 07 junho 2017 14:34

Exercício do poder partilhado

Proponho uma reflexão que tenho, naturalmente, como útil e oportuna, sobre o exercício do poder tal como o entendemos / tal como o testemunhamos.

Qualquer organização como um todo ou funciona como tal, como um todo, ou, a breve trecho, entrará em colapso e acabará em coma.

Publicado em Blog
domingo, 23 abril 2017 22:26

‘Circular’ por Portugal e pelo mundo

O meu contributo para o Blog ‘Circulando’ vai ser fiel à sua designação. ‘Circulando’ por Portugal e pelo mundo, falarei um pouco de viagens e cultura, mas falarei também de temas atuais da política internacional. Os desafios à União Europeia e que nos são tão próximos, as grandes potências no sistema internacional e o desenho de uma nova ordem (ou desordem) internacional, o papel das organizações internacionais e os conflitos violentos, entre outras reflexões. Circulando por este nosso mundo, espero partilhar experiências e análises e contribuir para que possamos pensar um mundo melhor.

Publicado em Blog

As 1.as Jornadas da Floresta foram uma iniciativa do Círculo Cultura e Democracia e da Câmara Municipal de Arouca. Refletir sobre a Floresta e os Incêndios, embora nem sempre se tinha disso a consciência mais apurada, é contribuir para o fortalecimento da nossa cultura e da nossa democracia; são um seu sustentáculo e parte integradora. De fato, se não formos capazes de cuidar do nosso ambiente, da nossa paisagem, da nossa floresta, do nosso modo de vida, há cimento de cultura e de democracia que pouco a pouco se vai esboroando. É como cuidar da nossa casa. Quando aí abrandamos as nossas exigências a própria casa, pouco a pouco, vai-se degradando. Todos ficaremos a perder, no presente e no futuro.

Publicado em Blog
quinta, 30 março 2017 22:08

Floresta e Poesia

Decorreram nos passados dias 24 e 25 de Março as Jornadas da Floresta. Foram momentos de grande actividade e participação interessada que compreenderam as intervenções não só de agentes locais que deram testemunho da sua experiência, mas também de especialistas de relevo nacional que fizeram um diagnóstico claro e completo dos problemas da floresta em Portugal.

E uma vez que todos desejamos uma natureza harmoniosa e feliz e que isso depende também do nosso empenhamento pedimos ajuda aos poetas. Vejamos o que eles nos dizem.

Publicado em Blog